“Como se fosse morrer hoje” traz para cena os desejos de uma mulher que sofreu um acidente de carro e sobreviveu.

Feliz por que está viva, resolve realizá- los antes que a morte venha bater na sua porta mais uma vez.

Quais são os desejos? Ah! Isso você vai ter que ir para descobrir.

Não perca este divertido trabalho da

Cia. de Teatro e Dança Pós- Contemporânea d’Improvizzo Gang,

com texto de Paulo Michelotto e Pollyanna Monteiro,

iluminação de Evandro Mesquita,

maquiagem de Sofia Abreu

e direção musical de César Jeansen.